Deus criou vida em outros planetas? Se não criou, por que o universo é tão grande? – CONSIDERE A POSSIBILIDADE praghas omega

Deus criou vida em outros planetas? Se não criou, por que o universo é tão grande?

Data: 13 de março de 2009 Autor: Daniel Ruy Pereira 93 Comentários

Artigo traduzido de: Creation 29(2):12–15 Março 2007. Título original: “Did God create life on other planets? Otherwise why is the universe so big?”. Copyright Creation Ministries International Ltda, <www.creation.com>. Usado com permissão.

por Gary Bates

Tradução Daniel Ruy Pereira

Aqueles que crêem que a vida evoluiu na Terra normalmente vêm o seguinte como, virtualmente, um “fato”: a vida teria evoluído em outros incontáveis planetas. Descobrir vida em outros planetas seria, por sua vez, a confirmação de sua fé evolucionista.

Mas há muitos cristãos que pensam: “Deus deve ter criado vida em outro lugar, caso contrário este enorme universo seria um tremendo desperdício de espaço.” Porém, nosso pensamento deveria estar baseado naquilo que Deus disse que fez (na Bíblia), e não naquilo que pensamos que Ele teria ou deveria ter feito.

Em primeiro lugar, uma vez que Deus é Aquele que fez o universo, este poderia não Lhe parecer tão “grande”. Os humanos não conseguem entender a grandeza do universo porque nossa compreensão é limitada às dimensões espaço/tempo criadas, dentro das quais existimos, e é de quebrar a cabeça tentar compreender qualquer coisa que vá além disso. O próprio tempo começa com a criação do universo físico, mas como podemos compreender a eternidade? O que havia “antes” do universo? Semelhantemente, como podemos entender o quão “grande” é Deus? Nós não podemos usar uma fita de medição, feita de átomos, para medi-lo.

A Bíblia e os ETs

Frequentemente se pergunta: “Só porque a Bíblia ensina que Deus criou vida inteligente somente na Terra, porque isso significaria que Ele não poderia tê-la criado em outro lugar?” Afinal, a Bíblia não fala a respeito de tudo. Por exemplo, não fala de automóveis. Porém, a objeção bíblica aos ETs não é um argumento meramente silencioso. Mais que isso, entender a totalidade da mensagem bíblica/evangélica nos permite concluir claramente que a razão pela qual a Bíblia não menciona extraterrestres (ETs) é porque eles não existem (1).

1. A Bíblia indica que toda a criação geme e sente dores de parto por causa do peso do pecado (Romanos 8:18-22). O efeito da maldição causada pela Queda de Adão foi universal (2). Caso contrário, qual seria a razão de Deus destruir toda a sua criação para criar novos céus e nova Terra – 2 Pedro 3:13; Apocalipse 21:1ss? Portanto, qualquer ET, vivendo em qualquer lugar, teria sido (injustamente) afetado pela Maldição Adâmica, mesmo sem ter cometido qualquer pecado – ele não teria herdado a natureza pecaminosa de Adão.

2. Quando Cristo (Deus) encarnou, Ele veio à Terra não apenas para redimir a humanidade, mas também reconciliar consigo toda a criação (Romanos 8:21; Colossenses 1:20). Portanto, a morte redentora de Cristo no Calvário não poderia salvar hipotéticos ETs, porque eles precisariam ser descendentes de Adão para que Cristo fosse o seu “Redentor” (Isaías 59:20). Jesus foi chamado “o último Adão” porque houve um primeiro Adão real, humano (1 Coríntios 15:22,45) – não um primeiro Vulcan, Klingon (N.T. raças criadas na série Star Treck) etc. Foi assim que um Substituto humano, sem pecado, sofreu a punição que todos os homens merecem pelos seus pecados (Isaías 53:6,10; Mateus 20:28; 1 João 2:2, 4:10), sem necessidade de remissão para os próprios pecados (que são inexistentes, Hebreus 7:27).

3. Uma vez que isso significaria que qualquer ET estaria perdido pela eternidade, pois esta atual criação será destruída em fogo ardente (2 Pedro 3:10,12), alguns têm pensado que o sacrifício de Cristo pode ter se repetido por outros seres. Porém, Cristo morreu uma vez (Romanos 6:10; 1 Pedro 3:18) na Terra. Ele não será crucificado e ressuscitado novamente em outros planetas (Hebreus 9:26). Isso é confirmado pelo fato de a igreja redimida (terrestre) ser conhecida como a noiva de Cristo (Efésios 5:22-33; Apocalipse 19:7-9), em um casamento que durará eternamente (3). Cristo não será um polígamo com muitas outras noivas de vários outros planetas.

4. A Bíblia não dá suporte à idéia de que Deus iria redimir quaisquer outras espécies, nem mesmo anjos caídos (Hebreus 2:16).

Encaixando-os lá… de algum modo!

Uma tentativa de encaixar os ETs na Bíblia baseia-se no versículo 3 do capítulo 11 de Hebreus: “Pela fé entendemos que os mundos pela palavra de Deus foram criados; de maneira que aquilo que se vê não foi feito do que é aparente.”

A palavra “mundos” aparece na tradução King James (4) e algumas outras, e alguns afirmam que ela se refere a outros planetas habitáveis. Porém, a palavra é αιών (aiōn), da qual derivamos a palavra “eon”. Por isso, traduções modernas traduzem a palavra como “universo” (todo o continuum espaço-tempo) porque ela corretamente descreve “tudo o que existe no tempo e espaço, visível e invisível, presentes e eternos”. Mesmo se ela estiver se referindo a outros planetas, é uma extrapolação injustificada presumir que há vida inteligente neles.

Outro argumento é a passagem de João 10:16, na qual Jesus diz: “Tenho outras ovelhas, que não são deste aprisco; também me convém agregar estas, e elas ouvirão a minha voz; e haverá um rebanho e um Pastor.” Contudo, mesmo um astrônomo crente em ETs, do Vaticano (uma “testemunha hostil” à “causa da inexistência dos ETs”), um padre jesuíta chamado Guy Consalmagno, reconhece: “No contexto, essas ‘outras ovelhas’ são presumivelmente uma referência aos gentios, não aos extraterrestres.” (5) O ensino de Jesus era causa de divisão entre os judeus (v.19), porque eles sempre acreditaram que a salvação de Deus era somente para eles. Jesus estava reafirmando que Ele seria o Salvador de toda a humanidade.

Uma abordagem romântica

Uma idéia mais recente permite que os ETs surjam da necessidade de se proteger o cristianismo no caso de uma eventual visitação alienígena real à Terra. Michael S. Heiser é um ufólogo/orador cristão influente, com Ph.D. em Hebraico Bíblico e Linguagens Semíticas Antigas. Ele afirma que os argumentos acima podem não se aplicar a alienígenas criados por Deus. Por não serem descendentes de Adão, eles não herdam sua natureza pecaminosa, e portanto, não são moralmente culpados ante Deus. Assim como os coelhos na Terra, eles não precisam de salvação – mesmo que eles morram, não vão nem para o céu, nem para o inferno.

À primeira vista, parece um argumento irresistível; afinal, anjos caídos são inteligentes, mas estão além da salvação (Hebreus 2:16). Porém, anjos são imortais e não são de nossa dimensão corpórea. E os ETs em espaçonaves de Heiser exigem um nível de inteligência não encontrado nos coelhos. Isso acentua severamente a injustiça de sofrerem os efeitos da Maldição, incluindo a morte e, em última análise, a extinção quando os céus retirarem-se “como um livro que se enrola” (Apocalipse 6:14). Também parece bizarro não atribuir responsabilidade moral para as ações de seres altamente inteligentes.

Heiser também afirma que ETs muitíssimo inteligentes não tomariam a posição da humanidade como seres criados à imagem de Deus, porque “imagem” significa apenas humanos tendo sido colocados como representantes de Deus na Terra.

Todavia, a Bíblia diz que nós fomos feitos à Sua imagem e semelhança (Gênesis 1:26). O homem foi criado totalmente inteligente a cerca de 6000 anos atrás, tendo se envolvido com artesanato logo depois (Gênesis 4:22). Desde aquele tempo, não fomos capazes de desenvolver tecnologias avançadas o bastante para viajarmos para outros sistemas solares. Se os alienígenas fossem capazes de desenvolver incríveis espaçonaves, mais rápidas que a velocidade da luz, necessárias para se chegar aqui, presume-se que eles tenham sido criados com inteligência vastamente superior à nossa – o que os faria muito mais imagem e semelhança de Deus, nesse sentido, que nós. Ou então, foram criados muito antes dos 6000 anos do padrão bíblico de seis dias; os alienígenas teriam sido criados antes do homem e teriam tido tempo suficiente para desenvolver suas tecnologias. Porém, Deus criou a Terra no Primeiro Dia e depois os corpos celestes, no Quarto Dia.

Influenciado pelo que está fora da Biblia

Embora Heiser não promova a evolução teísta, ele é simpatizante de um universo de bilhões de anos, como proposto pelo criacionista progressista Dr. Hugh Ross (6). Teoricamente, esse seria o tempo necessário para quaisquer ETs não vistos desenvolverem as tecnologias do tipo quase-ficção-científica, essenciais para chegarem aqui. Mas esse é um raciocínio circular.

Porém, há um grande problema para o Evangelho nestas longas eras. Primeiro, é importante entender que longas eras derivam da crença que camadas de rochas sedimentares na Terra representam eons de tempo (7). O que, por sua vez, deriva-se da suposição dogmática de que não houve atos especiais de criação ou dilúvio universal, por isso as características da Terra devem ser explicadas por processos que são vistos operando agora (8). Essa filosofia do uniformitarismo parece cumprir perfeitamente a profecia do apóstolo Pedro, registrada em 2 Pedro 3:3-7.

O conflito com o Evangelho acontece porque essas mesmas camadas rochosas contêm fósseis – um registro de seres mortos, que revela evidências de violência, doença e sofrimento. Assim, partindo de um ponto-de-vista de milhões de anos, mesmo sem evolução, colocamos a morte e o sofrimento muito antes da Queda de Adão. Isto desestabiliza o Evangelho e as razões pelas quais Cristo veio ao mundo – tais como reverter os efeitos da Maldição.

O “ranking” da criação

No Salmo 8:5 lemos que o homem foi feito um pouco menor que os anjos e coroado com glória e honra. Heiser disse que a salvação é baseada em um ranking, não em inteligência. Mas, se fosse assim, onde os ETs ficariam nessa injusta ordem (que não os menciona)? Seriam eles maiores que o homem, e menores que os anjos, por exemplo? Se estes avançados ETs fossem capazes de visitar a terra, a humanidade estaria sujeita ao seu domínio. (Mesmo se esses ETs fossem amigáveis, seriam potencialmente muito mais poderosos por causa de sua inteligência e tecnologia.) Isso estaria em contradição direta com a estrutura de autoridade estabelecida por Deus quando ele ordenou à humanidade “dominar” sobre a terra – o que é também conhecido como mandamento de domínio (Gênesis 1:28).

Sendo inspirado a temer

O Salmo 19:1 nos dá a maior razão da grandeza do universo: “Os céus declaram a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra de suas mãos.”

Isso nos lembra que, quanto mais descobrimos acerca deste incrível universo, mais deveríamos temer Aquele que o criou. É sobre Ele que deveríamos estar pensando, não em alienígenas imaginários, que nunca vimos.

Poderia haver “vida simples” em algum lugar no espaço?

A totalidade da Bíblia parece excluir vida inteligente em qualquer lugar no universo de Deus (1, veja o texto Imagem NASA.principal). Mas e quanto a bactérias em outros planetas, por exemplo? É possível que Deus os tenha criado, mas extremamente improvável (2). Qual seria o seu propósito? O foco inteiro da criação é a humanidade nesta Terra; as formas de vida na bela biosfera equilibrada da Terra são parte do nosso sistema pró-vida criado.Imagem NASA.

Se fossem encontradas bactérias em algum lugar do sistema solar, isso seria visto como uma prova de que a vida pode “simplesmente evoluir” (3). Porém, nós antecipadamente previmos que, neste improvável evento, os organismos terão DNA e demais moléculas do mesmo tipo terrestre, consistentes com os originados aqui como contaminantes – carregados pelas recentes sondas feitas pelo homem, ou transportados por fragmentos de rocha expelidos da Terra por impactos de Imagem NASA. Duas sondas idênticas atravessam a superfície de Marte procurando por evidências de água. Pesquisadores evolucionistas estão procurando desesperadamente por sinais passados ou atuais de vida até mesmo microscópica.meteoritos.Imagem NASA. Duas sondas idênticas atravessam a superfície de Marte procurando por evidências de água. Pesquisadores evolucionistas estão procurando desesperadamente por sinais passados ou atuais de vida até mesmo microscópica.

Referências

  1. Compare Grigg, R., Did life come from outer space? Creation 22(4):40–43, 2000; Bates, G., Alien Intrusion: UFOs and the evolution connection, Master Books, Arkansas, USA, 2004.
  1. Sarfati, J., Conclusive evidence for life from Mars? Remember last time! <creationontheweb.com/mars>, 15 maio 2002.
  1. Matthews, M., Space life? Answering unearthly allegations, Creation 25(3):54–55, 2003; <creationontheweb.com/space_life>.

Referências e notas

(1) Evidentemente, há seres celestiais. Estes foram criados bem cedo na Semana da Criação – chamados “filhos de Deus” e “estrelas da manhã” na poesia do livro de Jó, eles regozijaram e cantaram por ocasião da formação dos “fundamentos” da Terra. (Jó 38:7)

(2) Sarfati, J., The Fall: a cosmic catastrophe: Hugh Ross’s blunders on plant death in the Bible, Journal of Creation 19(3):60–64, 2005; <creationontheweb.com/plant_death>.

(3) A igreja foi comprada com o sangue de seu Salvador ferido no seu lado, uma clara analogia à primeira mulher, nascida da “costela” do lado de Adão.

(4) N.T. O autor se refere à King James original, em inglês. Em 2007 foi publicada no Brasil a versão King James Atualizada, pela Abba Press (somente o Novo Testamento). Ela traduz αιών como “universo”.

(5) Consolmagno, G., Humans are not God’s only intelligent works, <www.stnews.org/Commentary-891.htm>, 3 Janeiro 2006. Na verdade ele tomou o lado afirmativo em um debate com o Dr. Jonathan Sarfati, do CMI, cuja negativa está disponível em <www.stnews.org/Commentary-890.htm> (eles não viram os argumentos um do outro antes da publicação no liberal Science and Theology News).

(6) Ross acredita em criaturas semelhantes ao homem, destituídos de alma, anteriores a Adão, e similares, no status espiritual, aos hipotéticos ETs de Heiser. Para uma refutação completa das idéias de Ross, veja Refuting Compromise por Jonathan Sarfati Master Books, Arkansas, USA, 2004

(7) Henry, J.F., An old age for the earth is the heart of evolution, Creation Research Society Quarterly 40(3):164–172, December 2003.

(8) Mortenson, T., The Great Turning Point, Master Books, Arkansas, USA, 2004.

div.wpmrec2x{max-width:610px;} div.wpmrec2x div.u > div{float:left;margin-right:10px;} div.wpmrec2x div.u > div:nth-child(3n){margin-right:0px;} Anúncios

Conte para os outros!

Curtir isso:

Curtir Carregando... adãoalienígenaanjoscaídoscontaminaçãoeteternidadeEvoluçãooutrosovniplanetasquedaufouniversovida

Publicado por Daniel Ruy Pereira

Daniel Ruy Pereira é professor de ciências e biologia, desde 2009. Adora o assunto, mas não é louco de desobedecer o segundo mandamento dizendo que Deus é entidade quântica. Ver todos os posts de Daniel Ruy Pereira

Navegação de posts

Anterior Post anterior: O Dilúvio de Noé e o Épico de Gilgamesh Avançar Próximo post: A Genética não é amiga da Evolução!

93 comentários em “ Deus criou vida em outros planetas? Se não criou, por que o universo é tão grande? ”

  1. Luis Fernandes disse: 2 de agosto de 2016 às 12:40 am

    Os filhos gigantes que nasceram dos anjos, quando admiraram as filhas dos homens, e tiveram relação com elas, são da terra ou extra-terrestres?

    Curtir Curtir

  2. Daniel Ruy Pereira disse: 7 de setembro de 2015 às 11:57 am

    Olá, Eduardo.

    Muito obrigado por todo o seu apoio e incentivo. Fico feliz que minha tradução do artigo de Bates tenha lhe feito pensar profundamente a respeito do assunto.

    Sim, eu li todo o seu artigo. Tenho muitos pitacos para dar, mas, devido à complexidade da resposta, vou precisar de tempo para organizar tudo de forma agradável. Mas espere okay? Hehe

    A propósito, devido ao acordo que tenho com o CMI de tradução, essas traduções só podem ser publicadas aqui no blog, então infelizmente vc só pode referenciar o artigo lá. Quanto aos textos de minha autoria, porém, fique à vontade de republica-los, se quiser, só colocando a referência do blog, por favor.

    Abraço,

    Daniel.

    Curtir Curtir

  3. Eduardo Paglioni disse: 6 de setembro de 2015 às 6:50 pm

    Grande Daniel, tudo bem? Há algum tempo sigo suas postagens. Me admiro por seu conhecimento e lhe parabenizo por disponibilizá-lo a nós. Há muito quero comentar vossos posts mas o tempo me impede. Por se tratar de assuntos com grande complexidade de abordagem por misturar duas cosmovisões aparentemente antagônicas, eu sempre penso em discuti-las com vc mas não consigo pelo tempo que isso demanda. Pois bem, dessa vez tomei coragem e liberdade de argumentar seu post no meu blog. Espero ganhar sua atenção e, me lisonjearia, se vc pudesse lê-lo. Espero também, contar com vossa autorização para publicar o texto. No caso de negativa, removerei imediatamente! Grande abraço!

    Segue link: https://ensaioscristaos.wordpress.com/2015/09/06/vida-em-outros-planetas-universo-tao-grande-argumentos-ao-post/

    Curtir Curtir

  4. Pingback: Vida em outros planetas? Universo tão grande? – Argumentos ao post | Ensaios Cristãos
  5. freire3d disse: 21 de agosto de 2015 às 10:56 am

    parem de pensar em Deus como um ser da bíblia, mais sim como um ser evoluído com uma tecnologia altamente evoluída com bilhões de anos, mais avançada do que a nossa, porque o planeta terra foi feito através de tecnologia desenvolvida durante milhões de anos e tudo foi desenhado detalhadamente, parem de pensar em magia, isso não existe

    o que é a bíblia no contexto universal??nada
    a terra não é algo que Deus estalou o dedo e apareceu, não.

    Curtir Curtir

  6. freire3d disse: 21 de agosto de 2015 às 10:20 am

    chegar ate outros planetas é uma questão de tecnologia,a dimensão do universo é tão absurda que seria egoísmo de mais pensar que só o nosso planeta é que existe vida,se hoje chega-se a Marte e a lua é uma questão de tecnologia,e todos estamos de acordo que com o avanço da tecnologia muitos outros planetas que desconhecíamos passamos a conhecer
    logo com este avanço milhares de outros vão sendo encontrados ,daqui a mais 100 anos talvez o nosso modo de pensar sobre o vida mude
    tudo é uma questão de tecnologia quem fez o homem utilizou tecnologia,
    daqui a 1000 anos talvez o homem também chegue a esse nível de tecnologia tudo com base na ciência,não existe milagres
    a 2 mil anos um paracitamol poderia ser considerado um milagre
    a 2 mil ano uma pessoa com uma Aka poderia ser um rei ou um ser celestial
    a 2 mil anos um avião poderia ser considerado um anjo devido

    obs :os mitos surgem quando o ser humano não consegue dar resposta a um acontecimento tecnologia com milhares de anos avançado a sua realidade.

    tudo é uma questão de tecnologia se nos encontrasse-mos vida em outro planeta menos evoluído,seriamos Deus para eles,seria a nossa lei a valer lá.

    Curtir Curtir

  7. freire3d disse: 21 de agosto de 2015 às 10:03 am

    negar a existência de outros seres,é negar a nossa própria existência se humano vem evoluindo a milhões de anos,e nessa evolução confrontou-se com variadíssimos aspectos na qual ele tinha que dar resposta ,o DEUS que hoje esta na bíblia não é o é apenas um conjunto de seres que um dia cruzarão a terra numa viagem de milhões de não luz da terra e nos transmitiram o conhecimento.
    a própria vida é uma ciência-evolução-criação
    se pegarmos um homem que viveu a 2 mil anos antes de Cristo e o confrontar-mos com esse realidade de hoje,eu poderei pegar em um galax S6 e dizer-lhe que sou Deus porque faço ele aparecer no visor filmo o que ele fez o dia todo e falo com pessoas que estão em outro continente etc,etc.
    esse DEUS da bíblia foi um ser ou vários seres que entraram em contacto com a terra com uma inteligência de milhares de anos avançada do que a nossa.
    nota que a própria via é uma tecnologia
    e o ser humano esta a caminhar para chegar a imortalidade que é um facto.
    só notarmos os avanços científicos
    Á 2 mil anos pensar em tirar um rim,um pulmão,um coração,tirar o olho,tirar o sangue do corpo e limpar e voltar a meter,assim como varias doenças,eram consideradas coisas que só um ser divino o poderia fazer-certo?
    no entanto hoje isso é a coisa mais normal da medicina,certo?
    imagina agora daqui a mil anos o quê que pode-se evoluir mais?um homem de hoje confrontado com uma realidade futura do ano de 3015,onde tudo que duvidamos fosse o mais normal,como não existir estradas as pessoas viverem em outros planetas,a regeneração de órgãos ser o mais normal.pessoas a viverem 300 anos
    o segredo da vida é a ciência existe seres com capacidade de criar vida em outros planetas isso é facto.
    nos fomos criados por estes seres altamente inteligentes,o próprio planeta terra é um conjunto de tecnologia nada foi por acaso tudo foi calculado e projectado para que desse certo e funcionasse,os seres que aqui estiveram a milhões de anos e voltaram varias vezes,deixaram aqui o conhecimento e este continua a ser cada vez mais estudado e essa Internet,satélites,carros,aviões,a nossa medicina etc,é algo ainda insignificante no contexto universal,só a nossa realidade é que nos faz admirar,visto que daqui a 100 anos essa nossa tecnologia estará nos nossos museu,imagina agora a tecnologia com biliões de anos a mais do que a nossa?
    a tecnologia de um desses seres com biliões é capaz de criar vida
    a Internet deles é algo que para nos agora é um absurdo pensar,é 100 milhões de vezes mais avançada etc,o modelo de sociedade é altamente evoluído,a tecnologia é 100 milhões de vezes mais avançado etc.

    Curtir Curtir

  8. karoline disse: 14 de junho de 2015 às 5:47 pm

    Deus vai nos buscar qnd acontecer o apocalipse?

    Curtir Curtir

  9. DR, MISTERIO disse: 22 de março de 2015 às 1:33 am

    DE FATO EXISTE VIDA FORA DA TERRA
    MAS VIDA EM UM MUNDO CELESTIAL ONDE OS SERES PECAMINOSOS N TEM A PERMISAO PARA ENTRAR NELE A MENOS QUE DEUS PERMITA
    PORQUE SAO CRIATURAS CRIADA POR DEUS
    OU SEJA RESUMINDO.
    NÃO EXISTE ETS NEM VIDA ALIENGENAS ETC….
    APENAS EXISTE UM NOVO CEU E UMA NOVA TERRA ONDE NÃO SE ENCONTRA NO ESPAÇA E SIM EM OUTRA DIMENSAO EM UM MUNDO CELESTIAL ONDE SO OS ESCOLHIDOS POR DEUS SAO AUTORIZADOS A ENTRAR
    E EU ACREDITO EM TUDO QUE DIZ NA BIBLIA PORQUE É A PALAVRA DO PROPIO DEUS DEIXANDO O MANUAL DE COMO CONSEGUIR VIDA ETERNA APOS A MORTE
    E APRENDERMOS A VIVER AQUI NA TERRA COM HONRA A DEUS RESPEITANDO OS SEUS MANDAMENTE E USANDO TUDO QUE ELE ENSINOU COM ATITUDES
    E FAZER A VONTADE DELE VIVER SOMENTE PRA ELE PORQUE ELE É DIGNO DE TODA HONRA E GLORIA POR TODA ETERNIDADE ^^-)

    Curtir Curtir

  10. Pingback: Respostas a críticas de textos bíblicos (1) | Considere a Possibilidade
  11. Magno Macedo Quintano disse: 11 de fevereiro de 2015 às 8:33 pm

    Se eu fosse Deus, teria criado o Universo apenas para aguçar a curiosidade do ser humano e mostrar o meu poder de fogo: “Então o SENHOR conduziu Abrão para fora da tenda e orientou-o: “Olha para os céus e conta as estrelas, se é que o podes”. E prometeu: “Será assim a tua posteridade!” Gênesis 15:5. A propósito, para um ser onipotente, que esforço acrescido há em criar a Terra e, de quebra, criar o Universo?

    Curtir Curtido por 1 pessoa

  12. Daniel Ruy Pereira disse: 9 de janeiro de 2015 às 1:26 pm

    Por quê?

    Curtir Curtir

  13. Thiago Henrique disse: 6 de janeiro de 2015 às 4:55 pm

    O MAIOR BESTEIROL QUE JA LI!

    Curtir Curtir

  14. manuel jovino neto disse: 21 de novembro de 2014 às 9:56 am

    Existe sim vidas nos mundos q nao cairam em pecado aterra e um pauco para o universo estamos sendo observado por esses seres onde terminara ese conflito entre o bem eo mal quando noso planeta for renovado em uma nova terra os seres criados dos mundos q nao cairam no pecado ele ven nos visitar e depois nos iremos ate ales sem nehuma dificuldade porq estaremos pra sempre com nosso Deus.e ponto final.

    Curtir Curtir

  15. aderito disse: 11 de agosto de 2014 às 11:28 pm

    Teoria ou pratica s existe vida outros planetas , Deus ocultou aos homens talvez receio demonios possuidos nos corpos humanos projudicar outros seres Et, dai Deus foi inteligente, explicar ser humano deve ser forte confiar Nele temos preocupar com nossa salvaçao da propria alma, ou seja deus nao esta preocupado salvar nosso corpo, mas sim algo semantico em vez composto fisico , software inteligente propria personalidade unica somos, ou como dizem cientistas filmes futuro ,inteligencia artificial:-) deus abençoe

    Curtir Curtir

  16. Daniel Ruy Pereira disse: 21 de junho de 2014 às 10:06 pm

    Carlão,

    Ao invés de xingar, leia o artigo e contra-argumente. É a melhor forma de convencer as pessoas do seu ponto-de-vista, sabia?

    Curtir Curtir

  17. Daniel Ruy Pereira disse: 21 de junho de 2014 às 10:05 pm

    Porque eu não fico o dia inteiro no computador. Cheguei agora, amigo. Calma aí.

    Curtir Curtir

  18. CARLÃO COLATINA E.S disse: 21 de junho de 2014 às 7:59 pm

    ´SO BURROS ACHAN QUE SO TEM ABITANTES NO PLNATA TERRA .

    Curtir Curtir

  19. CARLÃO COLATINA E.S disse: 21 de junho de 2014 às 7:56 pm

    JA ESCREVI PORQUE NÃO PUBICOU

    Curtir Curtir

  20. Patrick Araujo disse: 26 de fevereiro de 2014 às 9:20 pm

    Se concordam comigo comentem, posso n ter explicado tudo que penso mas da pra entender com o q coloquei no comentario anterior.

    Curtir Curtir

  21. Patrick Araujo disse: 26 de fevereiro de 2014 às 9:17 pm

    Bom primeiro quero dizer q, a ordem de criação da bíblia é igual a cientifica só que mais simplificada, no livro de gênesis capitulo 1 (inteiro) tem toda ordem de criação, e ela fala que DEUS criou os animais mas n diz especificamente os mamíferos de hoje e os repitéis de hoje, em outras palavras DEUS criou os seres vivos, todos eles, sem mais nem menos, e mais Adão n é descrevido como igual a nós ele foi o primeiro homem mas não no sentido masculino mas s uma criação de DEUS com acesso total para conversar com DEUS como amigos ele iria comandar tudo na Terra, no firmamento e no resto, como o leão sendo “rei” das florestas, Einstein diz que os seres humanos evoluiram de uma espécie comum, um ancestral comum, essa teoria do ancestral comum fala que os animais evoluiram, mas foram criados de uma forma e chegaram ao que é hoje, o ancestral comum do homem foi Adão, dos macacos,elefantes,etc, foi o primeiro animal.

    Curtir Curtir

  22. luis disse: 23 de dezembro de 2013 às 3:57 pm

    claro que a biblia fala de automoveis! leia Naum 2 ; 4
    a biblia fala em I corintios que; nós somos ‘”espetaculo ao mundo`’ a os anjos e aos homens .
    mas os homens ja nao sao do mundo? por que repete duas vezes? no hebraico a palavra que foi traduzida para mundo era “cosmos” que em vez de ser mundo quer dizer universo. se diz universo e por que oltros seres de mundos nao caidos nos assistem com muita espectativa.
    e já naquele tempo os ceu ja era estudado por que os magos que foram visitar o menino jesus na verdade eram astrologos e nao magos mais naquelo tempo nao existia esse nome entao foram entitulados de magos porque eram sabios e inteligentes sabiam coisas do ceu que outros nao. estudem mais a biblia se for possivel compre um com traduçao hebraica.

    Curtir Curtir

  23. manoeleonam disse: 12 de novembro de 2013 às 7:30 am

    A terra é a ovelha perdida na qual se referia o nosso Salvador, entre tantos os planetas a terra vacila do outro lado da eternidade, somos observados pelos seres que habitam milhares e milhares de mundos não caídos, Eles não podem vir até nós, pois são puros e incontaminados, refletem a glória de Deus. Em contraponto o inimigo das almas, satanás tenta iludir a raça humana com disco voadores e outros. Preparando a humanidade para a grande cena de sua aparição como Cristo o Salvador, ele sabe que convencerá a muitos e muitos a segui-lo. Semelhante a Jesus, ele irá curar pessoas e ensinar a salvação, mas por traz de tudo um grande engano, o anticristo. Preparem-se, o dia se aproxima!!!

    Curtir Curtir

  24. Robsom Rosa disse: 15 de outubro de 2013 às 2:01 am

    Em 1977 foi lançadas Voyager 1 e Voyager 2 com objetivo de estudar Júpiter, saturno e Urano. 36 anos em sua jornada pelo espaço, a Voyager esta distante da terra 20 bilhões de quilômetros do Sol.
    Disco dourado da Voyager contém informações de áudio, variedade de músicas, saudações em 55 idiomas diferentes (incluindo línguas mortas),
    seleção de sons da natureza, incluem 122 imagens codificadas com instruções para decodificação, se houver vida inteligente fora da terra serão capazes de decodificar estas mensagens e aceitar o convite para visitar a terra.
    Deus fez o universo e tudo que o homem puder ver seja em mundos distantes ou não.
    O desconhecido pega de surpresa os incautos que confundem seres de mundos distantes como divindades superiores e passam a cultua-los.
    Seria o mesmo que astronautas saindo da terra fossem parar num planeta distante e confundidos com Deus ou Anjos.
    Bom não conheço a cultura alienígena mas seria mais ou menos assim, seja qual for seu credo religioso, talvez nem tenham.
    Não vamos fazer dos alienígenas seres tão especiais podem ter falhas iguais as nossas, podem ser agressivos ou amistosos, seja como for devemos ser cautelosos.
    Deus ama a todos nós terrestres ou alienígenas!

    Curtir Curtir

  25. Romulo disse: 10 de setembro de 2013 às 4:48 pm

    Olá, quando se faz a pergunta se existe seres criados por Deus em outros planetas? O certo é perguntamos se Deus criou outros seres não caídos como nós, eu poderia cita aqui os anjos por exemplo mais vamos lê na Bíblia o que ela diz em (Jó 1:6-7), Os filhos de Deus que se apresentaram perante o Senhor … esses seres no qual a bíblia fala em filho de Deus, são seres celestiais na qual não se corromperam como nós, eu acredito que existe seres em outro universo criado por Deus, mas seres perfeitos. Ets na verdade tenta distorcer a criação divina pois fomos criados a semelhança e imagem de Deus.

    Daniel gostaria de dizer que li e gostei muito dos seus artigos, pois está dentro da palavra de Deus que é a Bíblia, essa é a única verdade que devemos acreditar.

    Que Deus te abençoe.

    Curtir Curtir

  26. Thiago disse: 27 de agosto de 2013 às 3:47 pm

    Obrigado por ter postado esse artigo,não suportaria viver toda minha vida, me perguntando essas coisas. Você é muito inteligente,estou sinceramente muito impressionado.

    Curtir Curtir

  27. ismael de jesus disse: 9 de agosto de 2013 às 3:28 pm

    uma outra teoria para a existência de vida la fora é a seguinte, minha mãe sempre diz que deus se arrependeu de criar o homem pelo que ele fez e faz, destruindo, matando, desde o inicio dos tempos o homem faz coisas erradas e um exemplo disso foi adão e eva.
    bem, pensando em todos os erros que o homem já cometeu na terra eu acredito na possibilidade de ele talvez ter criado outros seres, pois tudo que ele criou na terra e no céu é perfeito mas o homem não é perfeito, sempre cometeu pecados embora deus saiba perdoar o homem não é perfeito e talvez por esse motivo ele buscou criar outros seres não sei se como o homem mas buscando a perfeição.
    não sei , isso é apenas uma teoria, mas o filme prometeus mostra bem o que eu to querendo explicar, a criação de um ser perfeito.
    no passado havia muitos milagres e deus falava com o homem porque havia muitos homens de fé escolhidos por deus para pregar a mensagem e ele se manifestava mais, não to dizendo que hoje em dia isso não possa acontecer mas hoje o homem só quer dinheiro, fama, idolos, e existem muitos ateus, pai que mata filho e filho que mata pai, filho que mata uma familia toda e o homem hoje perdeu o amor a vida, onde matar é apenas um trabalho e isso talvez tenha feito deus se afastar de nois embora o homem é inteligente mas usa isso para fazer o mau, para destruir, ae eu penso “e se fosse ao contrario, e se o homem na terra deixasse de lado o odio e usasse a inteligencia para o bem” deixasse de lado a riquesa que tem e usasse para ajudar os pobres e outras coisas que nos afetam.
    é tudo muito errado na terra. e pensando nisso deus pode ter realmente criado outros la fora buscando a perfeição,

    Curtir Curtir

  28. ismael de jesus disse: 9 de agosto de 2013 às 2:52 pm

    Bom dia daniel, já havia lido seu texto uma vez e perdi o site mas encontrei ontem e gostei muito a forma que você explica.
    bem, como todos já falaram sobre vida em outros planetas eu realmente acredito nisso mas a minha ideia sobre vida la fora é diferente, com tantos filmes de aliens de diversas formas que o homem já inventou acho dificil ter algum desse jeito ou homens como a gente já que como você falou jesus não nasceria varias vezes em varios lugares do universo.
    mas acredito que possa haver algum planeta onde exista flores, diferente das nossas, tempestades selvagens e oceanos impossiveis de navegar, ventos soprando intençamente, enfim, acredito que existem animeis dificeis de imaginar ou insetos em lugares como os que sitei, é algo dificil de dizer já que o universo é imenso mas se pensar no tamanho do universo em relação a o homem e em relação a deus é algo dificil de medir, algo dificil até de imaginar, por esse motivo se realmente existir ETs por ai pelo universo deus fez eles longe pra que o homem nunca possa toca-los e nem eles a nois, por isso a distancia colossal entre os planetas e estrelas e acredito que por isso não sitar eles na biblia.

    acho que pra cada criatura criada por deus uma historia diferente para cada mas com o mesmo fim, é dificil dizer isso, só deus sabe.

    Curtir Curtir

  29. Pingback: O que realmente aconteceu em Roswell? (Republicação) |
  30. Maria Teodosio disse: 12 de fevereiro de 2013 às 11:23 am

    “fé evolucionista”: O que é que quer dizer com isso?

    Curtir Curtir

  31. Daniel Ruy Pereira disse: 23 de janeiro de 2013 às 5:59 pm

    Oi, Thiago!

    Não esqueci não, meu! E estava de férias, período durante o qual minha existência cessa e só volta depois que o período acaba!

    Devo responder dentro das próximas duas semanas. Tenho uma listinha aqui…

    Abraço,

    Daniel.

    Curtir Curtir

  32. Thiago disse: 23 de janeiro de 2013 às 12:55 pm

    Olá Daniel, tudo bem ?
    Peço desde já desculpa por esta sendo chato com esta questão. Mas penso que você tenha esquecido de responder a minha pergunta :/
    Aguardo a sua resposta anciosamente.
    Obrigado pela atenção!

    Curtir Curtir

  33. Daniel Ruy Pereira disse: 20 de janeiro de 2013 às 1:57 am

    Olá Jéssica!

    Não me entenda mal: não sou eu quem coloca limites na criação de Deus. É Ele mesmo quem o faz. No universo que ELE criou, viagens interplanetárias, viagens acima da velocidade da luz e evolução (três pontos fundamentais para a crença em alienígenas) são impossíveis, fisica e biologicamente.

    Mas temos um problema maior, que é teológico. Veja, por exemplo, Jesus nos mandou pregar o evangelho a toda criatura (que seja capaz de entendê-lo, evidentemente). Ora, se existissem seres em outros planetas, deveríamos ir pregar para eles também. Mas não teríamos como obedecer, pois é impossível chegar até eles. E em mais 200 anos, para ser legal, não teríamos a tecnologia para ir para lá.

    Embora Deus tenha estabelecido coisas que não devamos saber, Ele permitiu que soubéssemos muitas coisas. O propósito do texto que você citou não é dizer o que não devemos saber, mas mostrar o que nós podemos saber. E podemos saber de tudo o que Deus não selou. Vida alienígena certamente estaria incluída em Seu plano salvífico, pelo qual a Igreja é responsável.

    Outra coisa: é preciso diferenciar entre o que cremos, o que a Bíblia nos ensina a crer e no que queremos crer. Muita gente quer crer em alienígenas porque, para parafrasear Carl Sagan, “a única coisa que torna o vazio insuportável é a certeza de que não estamos sós.” Para mim, a Igreja cumpre muito bem esse papel.

    Abraço,

    Daniel.

    Curtir Curtir

  34. JéssicaLudy disse: 20 de janeiro de 2013 às 12:13 am

    Por que não haver vida em outros planetas, Deus é Deus ele faz o que ele quiser, deviamos ser gratos por ter um planeta para habitar e ar para respirar, e as pessoas ainda ficam reclamando dizendo que é algo impossivel, cara Deus sabe de todas as coisas, se existe vida em outros planetas, acredite tem um propósito, algo que óbiviamente agente nem sabe, por que não somos Deus, por isso antes de dizer se tem ou não, temos que começar a se desapegar um pouco, deixar de ser egoísta e acreditar, que só nós somos os seres mais Inteligentes e soberanos no universo, Pois só Deus é assim… Eu particularmente acredito em vida em outros planetas, certo eu admito que pode não haver indicios na bíblia mas, a coisas que não podemos saber, Como por exemplo em Apocalipse No capitulo 10:4 (Recomendo ler o capitulo todo), onde João diz: “Logo que falaram os sete trovões, eu ia escrever, mas ouvi uma voz do céu, dizendo: Guarda em segredo as coisas que os sete trovões falaram e não escrevas”, isso só mostra que tem coisas, que não devemos saber, se houver mesmo vida em outros planetas, Deus pode muito bem não querer nos revelar ainda, ele é Deus e como eu já devo ter falado ele Faz o que quiser, por ziwgoyws. replica watches uk que ele sabe de todas as coisas, e tudo é no tempo dele, então vamos apenas ter Fé em Deus, e não ficar colocando limites na sua criação.

    Curtir Curtir

  35. Daniel Ruy Pereira disse: 18 de janeiro de 2013 às 1:36 am

    Olá, Makarov!

    Antes de tudo, uma correção: de acordo com Einstein e outros, viajar acima da velocidade da luz É impossível. Pelo seguinte: quanto maior a velocidade maior a energia que um corpo precisa para atingí-la. Ignorando o fato de que haveria uma distorção tamanha que o viajante seria deformado até à morte, existem vários outros problemas. Um deles é que, à velocidade da luz, uma colisão contra um grãozinho de poeira cósmica produziria uma colisão que, no mínimo, destruiria facilmente a nave. Esqueça esse negócio. É legal a Millenium Falcon fazer 5x a velocidade da luz e ser uma nave antiga, mas isso é fisicamente impossível. Descubra como eliminar a deformação de um corpo a altas velocidades e como eliminar os perigos das colisões iminentes e falamos de viagem espacial.

    Agora, ser perfeitamente possível existir vida no espaço, depende. Vida como conhecemos? Duvido. Quiça, vida que desconhecemos – porque não podemos esperar reconhecer como vida o que desconhecemos como vida… Sem contar, agora, os problemas relativos às distâncias e relação à sua estrela, a presença de água líquida, mecanismos de extração ou produção de energia, etc.

    Não estou limitando em nada a criação de Deus. Ele poderia ter criado vida no vácuo ou no sol, se quisesse, mas pelo que nos conta em Sua Palavra, não quis.

    Abraço,

    Daniel.

    Curtir Curtir

  36. Makarov disse: 18 de janeiro de 2013 às 12:53 am

    É perfeitamente possível existir vida em outros planetas, não temos o direito e não podemos colocar restrições na criação de Deus, menos de 5 % do universo é conhecido, não existe um consenso no meio científico do que seria a “vida” pelo menos no sentido que conhecemos. Toda a física e matemática atual um dia precisará ser revista, tenho absoluta certeza de que um dia atingir velocidades acima da luz será possível, e então poderão explorar o universo e fazer descobertas incríveis.

    Curtir Curtir

  37. Thiago disse: 18 de dezembro de 2012 às 5:59 pm

    Olá Daniel! tudo bem ?
    Esqueceu de me responder ?

    Curtir Curtir

  38. Thiago disse: 3 de dezembro de 2012 às 11:16 pm

    O vídeo esta aqui Daniel, peço perdão por não ter publicado o vídeo junto com o meu comentário anterior…


  39. praghas omega

    ブライトロゴ
    hublot gold
    cartier roadster prijs
    breitling falsa
    hublot big bang sort

    Dienvidigaunija – aizraujošas brīvdienas ikvienam

    29.06.2015 | 122 Komentāri | Studentu pilsēta Tartu, gleznainā Otepē, tradīcijām bagātais Veru apriņķis - tā ir tikai daļa no skaistā un daudzveidīgā Dienvidigaunijas reģiona. Arī šajā vasaras sezonā Dienvidigaunija aicina iepazīt jau iemīļotus un jaunus aktīvās atpūtas pavadīšanas un apskates objektus, kā arī baudīt pasākumiem bagāto Dienvidigaunijas vasaru.

    Jaunākie raksti

    Uz Ķīpsalu pēc skaistuma! Bez kā nav iedomājami Tex Mex ēdieni Konjaka eksperts: pirms lietošanas to nav nepieciešams sildīt plaukstās Atklāta mūzikas un mākslas festivāla „Bildes 2017” izstāde. FOTO Dakteri Klauni sirsnīgākos sveicienus 5 gadu jubilejā saņem no bērniem. FOTO Garšvielas ēdienam piešķir jaunu garšu Dienvidigaunija ir lielisks brīvdienu galamērķis ģimenēm ar bērniem, turklāt aizraujošas aktivitātes atrodamas gan bērniem, gan arī pusaudžiem. Ne vien aktīvus un izklaidējošus, bet arī izglītojošus brīvā laika pavadīšanas veidus ģimenes atradīs gan centros, gan arī brīvā dabā.

    Viens no iemīļotākajiem un aizraujošākajiem ir Tartu zinātnes centrs „Ahhaa”. Kopš pavasara apmeklētājus te sagaida arī jauna aizraujoša izstāde „Ahhaa, īpaši slepeni!”, kas apmeklētājus aizvedīs aizraujošajā spiegu pasaulē. Tāpat viens no aizraujošākajiem muzejiem ir „Igaunijas ceļu muzejs” Varbuses ciemā, kas apmeklētājus atraktīvā veidā izved pa gadsimtu gaitā mainīgajiem ceļiem. Šeit atrodama īpaša bērnu autotrase, bet pieaugušie var doties izbraucienā ar 100 gadu veciem velosipēdiem.

    Tiem, kuri brīvā laika pavadīšanā dod priekšroku atpūtai dabā, Dienvidigaunija ir lieliska izvēle. Ne velti sadarbībā ar žurnālu „National Geographic” tieši Dienvidigaunijā izveidots žurnālam raksturīgo dzelteno logu ceļš, kas paver skatu uz Igaunijas tradicionālajām, kultūras un gleznainākajām dabas ainavām. Tāpat ikvienas pilsētas informācijas centrā iespējams iegūt informāciju par iespējām doties laivu ekskursijās vai pastaigā pa dabas takām, kā arī velo izbraucienos. Kopš gada sākuma pieejama arī Dienvidigaunijas stāstu un labo piedāvājumu grāmata, kurā atrodami vairāk nekā 300 dažāda veida piedāvājumi un kuponi, kas sniegs iedvesmu ceļošanai un arī ļaus ietaupīt, iepazīstot Dienvidigauniju. Latviešu valodā grāmatu izdevis apgāds „Jāņa sēta” un to iespējams iegādāties Rīgas Tūrisma informācijas centrā.

    Sportisku atpūtu piedāvā dažādās Igaunijas vietās izveidotie piedzīvojumu parki. Lielākais no tiem ir Otepē piedzīvojumu parks, kur pa kokiem vijošās piedzīvojumu un  atrakciju bagātas atpūtas aktivitātes patiks patiešām visu vecumu apmeklētājiem, bet koku lapotnēs izveidotās trases nodrošinās pamatīgu adrenalīna devu arī visdrosmīgākajiem ģimenes locekļiem. Netālu no piedzīvojumu parka atrodas Tehvandi skatu platforma, no kuras paveras lielisks skats uz Otepē kalnainajām ainavām. Turpat tuvumā atrodas arī aizraujošā kāpšanas siena.

    Vasara ir lielisks laiks arī vietējās kultūras baudīšanai, jo ik nedēļas nogale ir piesātināta ar bagātīgu pasākumu programmu. Jūlija sākumā Tartu aicina apmeklēt vienu no vasaras apmeklētākajiem pasākumiem „Tartu Hanzas dienas”, kas organizēts ar mērķi iepazīstināt ar pilsētas viduslaiku vēstures mantojumu. Bet augusta sākumā Tartu pilsētā noritēs Taru mīlestības filmu festivāls „TARTUFF”.

    Veru apriņķis jūlija sākumā aicina uz nedēļu garu Veru folkloras pasākumu. Turklāt Veru apriņķis ir īpaši pazīstams ar to, ka šeit paveras plašas iespējas izbaudīt tradicionālus, gadsimtiem glabātus igauņu pirts rituālus. Aizraujoša pasākumu programma šeit sagaida arī kino un mākslas cienītājus, jo teju visu jūliju Veru pilsētā būs skatāma vides mākslas ekspozīcija „Kilometrs skulptūras”.

    Plašāku informāciju par atpūtas iespējām Igaunijā un Dienvidigaunijas reģionā iespējams iegūt mājaslapā: www.visitestonia.com

    Svetkulaiks.lv , Foto: Publicitātes foto Iesaki: Saistītie raksti: Baloni bērnu ballītēm Špikeris aizņemtajiem vecākiem: ko likt galdā, kad laika pavisam maz? 10 labas filmas bērniem: mudina rūpēties un nebaidīties Kā palīdzēt bērnam izvēlēties hobiju? Uz festivālu ar bērniem? Padomi vecākiem 118 Komentāri 122 180 2015-09-06 16:49:27 macasamhail uaireadóirímacasamhail uaireadóiríuaireadóirí macasamhail chaighdeán[b][url=http://ie.fakelongines.com/]macasamhail uaireadóirí[/url][/b][b]macasamhail uaireadóirí[/b][b][url=http://ie.fakelongines.com/]uairead óirí macasamhail chaighdeán[/url][/b] [b][url=http://ie.fakelongines.c om/]uaireadóirí macasamhail chaighdeán[/url][/b] [b]macasamhail uaireadóirí[/b] [b][url=http://www.fakelongines.com/ie/]macasamhail uaireadóirí[/url][/b] Longines uaireadóirí , Longines bailiúchán naomh - imier language: [url=http://de.fakelongines.com] [img]http://ie.fakelongines.com/langimg/gericon.gif[/img]Deu tsch[/url] [url=http://fr.fakelongines.com] [img]http://ie.fakelongines.com/langimg/fricon.gif[/img]Fran çais[/url] [url=http://it.fakelongines.com] [img]http://ie.fakelongines.com/langimg/iticon.gif[/img]ital iano[/url] [url=http://jp.fakelongines.com] [img]http://ie.fakelongines.com/langimg/jpicon.gif[/img]日

    Info meteo.fr est un site d'informations sur les conditions météorologiques de la France entière. Sur info meteo, vous allez pouvoir consulter la meteo de votre ville en temps réel, la météo de votre département ou d'une autre région. A tout moment, vous accédez à une meteo actualisée avec des bulletins meteo mis à jour sur notre sitetes les heures, la garantie d'avoir la meteo à jour sur la France.

    La mission d'info meteo est de vous informer à l'aide de bulletins météo complets : vous pourrez ainsi connaître les températures (matin, après-midi et nuit), la température minimale et maximale de la journée, le temps, l'heure du lever et du coucher du soleil, la force du vent, la pression atmosphérique et bien d'autres indicateurs météorologiques.

    Avec info meteo, la météo locale du jour vous est présentée de façon claire et précise.

    Chaque jour et pour chaque ville, vous pouvez lire un véritable bulletin météo analysé et rédigé par une équipe de spécialistes météorologues.








    es.

    Outro argumento é a passagem de João 10:16, na qual Jesus diz: “Tenho outras ovelhas, que não são deste aprisco; também me convém agregar estas, e elas ouvirão a minha voz; e haverá um rebanho e um Pastor.” Contudo, mesmo um astrônomo crente em ETs, do Vaticano (uma “testemunha hostil” à “causa da inexistência dos ETs”), um padre jesuíta chamado Guy Consalmagno, reconhece: “No contexto, essas ‘outras ovelhas’ são presumivelmente uma referência aos gentios, não aos extraterrestres.” (5) O ensino de Jesus era causa de divisão entre os judeus (v.19), porque eles sempre acreditaram que a salvação de Deus era somente para eles. Jesus estava reafirmando que Ele seria o Salvador de toda a humanidade.

    Uma abordagem romântica

    Uma idéia mais recente permite que os ETs surjam da necessidade de se proteger o cristianismo no caso de uma eventual visitação alienígena real à Terra. Michael S. Heiser é um ufólogo/orador cristão influente, com Ph.D. em Hebraico Bíblico e Linguagens Semíticas Antigas. Ele afirma que os argumentos acima podem não se aplicar a alienígenas criados por Deus. Por não serem descendentes de Adão, eles não herdam sua natureza pecaminosa, e portanto, não são moralmente culpados ante Deus. Assim como os coelhos na Terra, eles não precisam de salvação – mesmo que eles morram, não vão nem para o céu, nem para o inferno.

    À primeira vista, parece um argumento irresistível; afinal, anjos caídos são inteligentes, mas estão além da salvação (Hebreus 2:16). Porém, anjos são imortais e não são de nossa dimensão corpórea. E os ETs em espaçonaves de Heiser exigem um nível de inteligência não encontrado nos coelhos. Isso acentua severamente a injustiça de sofrerem os efeitos da Maldição, incluindo a morte e, em última análise, a extinção quando os céus retirarem-se “como um livro que se enrola” (Apocalipse 6:14). Também parece bizarro não atribuir responsabilidade moral para as ações de seres altamente inteligentes.

    Heiser também afirma que ETs muitíssimo inteligentes não tomariam a posição da humanidade como seres criados à imagem de Deus, porque “imagem” significa apenas humanos tendo sido colocados como representantes de Deus na Terra.

    Todavia, a Bíblia diz que nós fomos feitos à Sua imagem e semelhança (Gênesis 1:26). O homem foi criado totalmente inteligente a cerca de 6000 anos atrás, tendo se envolvido com artesanato logo depois (Gênesis 4:22). Desde aquele tempo, não fomos capazes de desenvolver tecnologias avançadas o bastante para viajarmos para outros sistemas solares. Se os alienígenas fossem capazes de desenvolver incríveis espaçonaves, mais rápidas que a velocidade da luz, necessárias para se chegar aqui, presume-se que eles tenham sido criados com inteligência vastamente superior à nossa – o que os faria muito mais imagem e semelhança de Deus, nesse sentido, que nós. Ou então, foram criados muito antes dos 6000 anos do padrão bíblico de seis dias; os alienígenas teriam sido criados antes do homem e teriam tido tempo suficiente para desenvolver suas tecnologias. Porém, Deus criou a Terra no Primeiro Dia e depois os corpos celestes, no Quarto Dia.

    Influenciado pelo que está fora da Biblia

    Embora Heiser não promova a evolução teísta, ele é simpatizante de um universo de bilhões de anos, como proposto pelo criacionista progressista Dr. Hugh Ross (6). Teoricamente, esse seria o tempo necessário para quaisquer ETs não vistos desenvolverem as tecnologias do tipo quase-ficção-científica, essenciais para chegarem aqui. Mas esse é um raciocínio circular.

    O conflito com o Evangelho acontece porque essas mesmas camadas rochosas contêm fósseis – um registro de seres mortos, que revela evidências de violência, doença e sofrimento. Assim, partindo de um ponto-de-vista de milhões de anos, mesmo sem evolução, colocamos a morte e o sofrimento muito antes da Queda de Adão. Isto desestabiliza o Evangelho e as razões pelas quais Cristo veio ao mundo – tais como reverter os efeitos da Maldição.

    O “ranking” da criação

    No Salmo 8:5 lemos que o homem foi feito um pouco menor que os anjos e coroado com glória e honra. Heiser disse que a salvação é baseada em um ranking, não em inteligência. Mas, se fosse assim, onde os ETs ficariam nessa injusta ordem (que não os menciona)? Seriam eles maiores que o homem, e menores que os anjos, por exemplo? Se estes avançados ETs fossem capazes de visitar a terra, a humanidade estaria sujeita ao seu domínio. (Mesmo se esses ETs fossem amigáveis, seriam potencialmente muito mais poderosos por causa de sua inteligência e tecnologia.) Isso estaria em contradição direta com a estrutura de autoridade estabelecida por Deus quando ele ordenou à humanidade “dominar” sobre a terra – o que é também conhecido como mandamento de domínio (Gênesis 1:28).

    Sendo inspirado a temer

    O Salmo 19:1 nos dá a maior razão da grandeza do universo: “Os céus declaram a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra de suas mãos.”

    Isso nos lembra que, quanto mais descobrimos acerca deste incrível universo, mais deveríamos temer Aquele que o criou. É sobre Ele que deveríamos estar pensando, não em alienígenas imaginários, que nunca vimos.

    Poderia haver “vida simples” em algum lugar no espaço?

    A totalidade da Bíblia parece excluir vida inteligente em qualquer lugar no universo de Deus (1, veja o texto Imagem NASA.principal). Mas e quanto a bactérias em outros planetas, por exemplo? É possível que Deus os tenha criado, mas extremamente improvável (2). Qual seria o seu propósito? O foco inteiro da criação é a humanidade nesta Terra; as formas de vida na bela biosfera equilibrada da Terra são parte do nosso sistema pró-vida criado.Imagem NASA.

    Se fossem encontradas bactérias em algum lugar do sistema solar, isso seria visto como uma prova de que a vida pode “simplesmente evoluir” (3). Porém, nós antecipadamente previmos que, neste improvável evento, os organismos terão DNA e demais moléculas do mesmo tipo terrestre, consistentes com os originados aqui como contaminantes – carregados pelas recentes sondas feitas pelo homem, ou transportados por fragmentos de rocha expelidos da Terra por impactos de Imagem NASA. Duas sondas idênticas atravessam a superfície de Marte procurando por evidências de água. Pesquisadores evolucionistas estão procurando desesperadamente por sinais passados ou atuais de vida até mesmo microscópica.meteoritos.Imagem NASA. Duas sondas idênticas atravessam a superfície de Marte procurando por evidências de água. Pesquisadores evolucionistas estão procurando desesperadamente por sinais passados ou atuais de vida até mesmo microscópica.

    Referências

    1. Compare Grigg, R., Did life come from outer space? Creation 22(4):40–43, 2000; Bates, G., Alien Intrusion: UFOs and the evolution connection, Master Books, Arkansas, USA, 2004.
    1. Sarfati, J., Conclusive evidence for life from Mars? Remember last time! <creationontheweb.com/mars>, 15 maio 2002.
    1. Matthews, M., Space life? Answering unearthly allegations, Creation 25(3):54–55, 2003; <creationontheweb.com/space_life>.

    Referências e notas

    (1) Evidentemente, há seres celestiais. Estes foram criados bem cedo na Semana da Criação – chamados “filhos de Deus” e “estrelas da manhã” na poesia do livro de Jó, eles regozijaram e cantaram por ocasião da formação dos “fundamentos” da Terra. (Jó 38:7)

    (2) Sarfati, J., The Fall: a cosmic catastrophe: Hugh Ross’s blunders on plant death in the Bible, Journal of Creation 19(3):60–64, 2005; <creationontheweb.com/plant_death>.

    (3) A igreja foi comprada com o sangue de seu Salvador ferido no seu lado, uma clara analogia à primeira mulher, nascida da “costela” do lado de Adão.

    (4) N.T. O autor se refere à King James original, em inglês. Em 2007 foi publicada no Brasil a versão King James Atualizada, pela Abba Press (somente o Novo Testamento). Ela traduz αιών como “universo”.

    (5) Consolmagno, G., Humans are not God’s only intelligent works, <www.stnews.org/Commentary-891.htm>, 3 Janeiro 2006. Na verdade ele tomou o lado afirmativo em um debate com o Dr. Jonathan Sarfati, do CMI, cuja negativa está disponível em <www.stnews.org/Commentary-890.htm> (eles não viram os argumentos um do outro antes da publicação no liberal Science and Theology News).

    (6) Ross acredita em criaturas semelhantes ao homem, destituídos de alma, anteriores a Adão, e similares, no status espiritual, aos hipotéticos ETs de Heiser. Para uma refutação completa das idéias de Ross, veja Refuting Compromise por Jonathan Sarfati Master Books, Arkansas, U